Resenha: Lola e o Garoto da Casa ao Lado - Stephanie Perkins



"Mas amanhã...ele estará em casa. / O Pensamento temporariamente me tranquiliza. Então, vejo meu reflexo novamente e me dou conta de que o "amanhã" em nada ajuda o "esta noite".  "

- Stephanie Perkins - Lola e o Garoto da Casa ao Lado , página 272.
 


      Uma mistura de simplicidade , doçura e um toque de loucura é o que define Lola e o Garoto da Casa ao Lado da já considerada poderosa autora Stephanie Perkins , pois ela pode até não ter enredos com base complexas , mas usa de sua capacidade encantadora para criticar sem ser agressiva.


      Narrado em primeira pessoa por Lola o livro é puramente adolescente , com momentos que cutucam a sociedade e nos coloca a pensar , por mais que esses momentos sejam "enfeitados" com muito bom humor e uma dose de romance que faz com que o leitores desejem ardentemente encontrar sua Lola ou seu Cricket.
   Quem leu Anna e o Beijo francês encontrará uma grande surpresa , onde confirma ainda mais a genialidade da autora. Só não espere grandes acontecimentos , a história é feita de realidade , tudo bem , uma realidade "moderninha" e cheia de cor e até pais gays muito conservadores. - Sim, eu usei a palavra correta. - Lola tem dois pais e uma mãe que ninguém deveria ter. E apesar de toda a confusão , em nenhuma hipótese o livro cai no ridículo. - Principalmente o amor que Lola mantém pela moda e seu seu estilo digamos que "exagerado" são compreensíveis e de fato simples. Ás vezes só queremos ser o que somos e não várias pessoas e é disso que o livro fala : do que nós somos e o que as pessoas acham que somos. Fora a busca pelo amor em que sonhamos desde muito pequenos , o amor que engrandece , que não é fácil , apenas o certo.


Autora : Stephenie Perkins 
Editora: Novo Conceito 
288 páginas 


5 comentários:

  1. Ai Marcelo, eu quero!
    Vou adicionar na minha lista de desejos para o meu aniversário e ver se alguém se habilita! rs

    Amei sua resenha e antes não tinha vontade de ler.. Agora eu quero muito!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  2. Má, o que me encantou em Anna e o Beijo Francês foi a capacidade dela de envolver demais com uma história simples!
    Lola parece ser do mesmo estilo e, pra mim, é o que basta!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Oiii Mahhhhh

    Ahhh eu sou MEGA suspeita...
    Eu AMEI a Lola, o Cricket... TUDO!!!
    Amei sua resenha também Mah...

    beijãoooo
    Lylu - http://reliquiasdalylu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ai, como eu quero ler esse livro. Anna e o Beijo Francês me encantou demais e se tornou um dos meus livros favoritos, porque apesar de ser bem adolescente, a história é muito fofa, haha.
    Estou ansiosa pela leitura desse, Má.
    E já falei que amo as suas resenhas em que você consegue passar pouquíssimos spoilers, senão nenhum, né? hehe.

    Beijos,
    Hannah.

    ResponderExcluir
  5. Ai Mah que tudo deve ser esse livro, que peninha que ainda não li nenhum livro dela, mas vou começar com esse com certeza.

    ResponderExcluir